segunda-feira, outubro 20, 2008

Thievery Corporation II

Boas amigos(as), tal como ontem vos disse aqui no blog, hoje (ontem, porque há hora que estou a escrever este post já é segunda-feira), fui ao concerto dos Thievery Corporation.
Assim foi, arranquei aqui do Cacém eram 20horas, lá fui até Lisboa com a minha companhia, como de costume estacionamento na zona da Av. da Liberdade é mentira, lá tivemos de pôr o veículo no parque subterranêo dos Restauradores (4 euros e 45 cêntimos 3horas).
Encaminhámo-nos até ao Coliseu, mostro os bilhetes à entrada e quando os funcionários viram para onde era, dispensaram logo um deles para nos acompanhar e abrir a porta do camarote.
Portanto camarote, para nós dois, óptimo.
O concerto propriamente dito, estava com início marcado para as 21horas, mas começou meia hora depois.
Iniciou com um mini documentário sobre o envolvimento e as acções em que eles (Thievery Corporation), participam para o World Food Program das Nações Unidas, com imagens deles no Nepal, Haiti e vários países de África, para sensibilizar as pessoas para o que se passa nesses países. Logo de seguida iniciou-se o concerto.
Meus amigos(as), posso-vos dizer que há bastante tempo não via um concerto tão bom!!!
O Coliseu completamente cheio, no palco a banda, os dois elementos principais da banda, os DJ's Rob Garza e Eric Hilton, numa enorme mesa de DJ ao fundo do palco, com um painel por trás onde eram exibidas imagens, desde pedaços de vídeoclips deles a imagens psicadélicas. Juntamente com eles vem o resto da banda, um guitarrista, um baixista, 2 percursionistas com a particulariedade de um deles ser vocalista também em vários temas, um saxofonista, um trompete, 4 cantoras, uma brasileira, com uma energia em palco fabulosa, uma argentina com uma óptima voz, 2 norte-americanas, um duo de cantores reggae/hip hop e para finalizar uma dançarina de danças orientais e do ventre.
Como podem ver, não faltou variedade no espectáculo.
Foi uma loucura, todos eles transportavam uma energia e alegria contagiante, souberam interagir com o público, nunca houve momentos mortos, intercalaram bem as diferentes vertentes e fusões das suas músicas, tocando por exemplo uma ou duas músicas com sonoridade reggea e em seguida outras duas com sonoriedades orientais ou brasileiras, nunca caindo na monotomia nem na separação de géneros.
Para além do concerto que durou hora e meia, houve mais 3 encores, sendo a última e derradeira entrada em palco, não planeada e mesmo por vontade do público que não "arredou pé" de dentro do Coliseu.
Ou seja o concerto no total durou 2h30, acabando bem perto da meia-noite.
A minha opinião, é que fiquei deveras impressionado, nunca tinha ouvido com atenção as músicas deles, alias como referi no post anterior não são bem o meu género musical, mas achei-os muito bons, têm músicas intervencionistas cujas letras falam dos problemas que assolam a nossa sociedade, tal como a fome, a violência e a crise financeira mundial. Fiquei com vontade de os conhecer melhor.
Resumindo, foi um espectáculo muito bom, a minha companhia estava nos mesmos moldes que eu a nível de conhecimento do trabalho deles e também ficou muito impressionada.
Adorei e recomendo
Fiquem bem
Pipas

P.S. Tinha prometido deixar fotos do concerto neste post, mas as fotos foram tiradas com uma máquina que não é minha, assim que tiver as fotos em meu poder, aqui serão postas.
Em compensação vou deixar outro vídeo deles.

P.S.2 Arco Íris, o timming foi péssimo, se cá estivesses sabes bem que eras tu que estavas lá comigo no concerto... Mas haverá mais oportunidades...

P.S.3 Prima ADORO-TE, sabes o porquê, não vou alongar-me mais... Obrigado



5 comentários:

aespumadosdias disse...

Gostava de ter ido ao Coliseu era no sábado.
Até...

Anónimo disse...

Da prima adorada para o primo querido,
Nem imaginas como fiquei feliz ao ler isto :)
Muitos beijos.
Angie

arco-íris negro disse...

Resta-me o contentamento por saber que me ias convidar...sou fã dos T.C. há anos...

tal como de massive...
enfim...resta-me tb a dor de corno...nojento...lololol
beijoka

Nikitta disse...

Começou com meia-hora de atraso? Não pode ser. Ainda se fosse em Portugal! AH! Sim, foi mesmo. Está explicado a atraso.

Maldonado disse...

Ainda bem que foi um excelente espctáculo. :)