segunda-feira, janeiro 14, 2008

Sites úteis

Cá estou eu novamente, durante as minhas deambulações bloguísticas e da imprensa escrita, para descobrir o que de novo se vai passando cá dentro e lá fora, descobri dois sites que a meu ver são do melhor que pode haver a nível de informação e conhecimento, que naturalmente não podia aqui deixar de vos sugerir.
O primeiro, http://blogs.guardian.co.uk/quran/ é um blog do jornal inglês "The Guardian" que convidou o escritor, crítico e divulgador cultural Ziauddin Sardar, nascido no Paquistão e muçulmano a falar e dar a conhecer o livro sagrado dos muçulmanos o Corão.
Ziauddin, vem através deste blog juntamente com a interacção dos leitores e da mediação da jornalista do "The Guardian" Medeleine Bunting, dar uma nova visão e interpretação do Corão, nestes dias tão atribulados em que ser muçulmano é quase sinónimo de extremista e terrorista, mas em que a sua verdadeira essencia é justamente ser o contrário.
Recomendo a leitura atenta e sem preconceitos e ideias pré-definidas em relação à religião Muçulmana, para uma melhor compreensão de uma cultura e povos fabulosos.
O segundo, http://edge.org , é um site criado por John Brockman, agente literário de vários cientistas de todo o mundo que com este site, que funciona como uma espécie de fórum onde se divulga, debate e se contestam ideias e novos conhecimentos científicos nas mais variadas áreas, vem pôr esses mesmos cientistas e pessoas normais a colocarem questões, ideias (algumas das quais até controversas), para "agitar", interrogar e mostrar o que se passa no nosso mundo científico, desde a genética à filosofia. Este site tem temas bastante interessantes, que nos fazem pensar em tudo o que nos rodeia.
Naturalmente ambos os site estão em Inglês e já foram inseridos na secção "coisas com interesse ou não" deste vosso blog.
Boa noite
Pipas

2 comentários:

Marco Miranda disse...

Hum muito interessante... Tenho que dar lá um pulo... Um abraço...

arco-íris negro disse...

O meu fundamentalismo é a máxima de Marx que a religião é o opio do povo...e mais de metade das mortes neste mundo não teriam sido violentas se não existisse isso que não existe e todos acreditam...