quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Vieira 400 anos

Photobucket

Meus amigos, hoje comemoram-se 400 anos do nascimento desse grande Homem e Pensador português que foi o Padre António Vieira.
O Padre António Vieira, nascido a 06 de Fevereiro de 1608, foi das personagens históricas que mais marcou o pensamento e a escrita portuguesa desde o séc. XVII até aos dias de hoje.
Vieira, que nasceu no seio de uma família humilde, vai para o Brasil aos 6 anos de idade e aí se educa, ingressando na Companhia de Jesus, onde estuda uma série de disciplinas entre elas a matemática, teologia, lógica, física, metafísica e outras.
Ao longo da sua vida, o Padre António Vieira, assumiu posições de defesa em relação aos cristãos-novos e aos Índios do Brasil, posições essas que lhe causaram muitos problemas com os colonos portugueses do Brasil e com a Inquisição, problemas esses que o levaram à prisão e ao exílio por diversas vezes. A par disto, Vieira utilizou a sua grande cultura e conhecimentos, para fazer valer essas causas. Disso são exemplo perfeito os seus "Sermões", que para além de serem de uma qualidade literária incomparável, serviam de forma difusora para passar as suas mensagens sobre esses assuntos, como é o caso do Sermão "Santo António aos peixes" em que o Padre António Vieira exorta os Índios e fala da exploração dos colonos aos mesmos.
Posto esta pequena introdução sobre o Padre António Vieira, vou falar sobre a comemoração dos 400 anos do seu nascimento e de algumas acções a isso associadas.
No dia de hoje vai haver uma sessão solene comemorativa, com a presença do Presidente da República, além disso no Centro Cultural de Belém ao longo do dia vão decorrer sessões de leitura, onde vários escritores irão ler excertos da obra de Vieira, irá ser executada música da época e a passagem do filme de Manoel de Oliveira "Palavra e Utopia" que conta a história da vida de Vieira. A cinemateca também irá passar um ciclo de cinema sobre o tema. Também vai ser criada uma rede de universidades, dedicadas ao estudo da vida e obra de Vieira e até mesmo a Carris, vai participar nestas comemorações, pondo um eléctrico da carreira nrº 28, com uma pintura alusiva ao tema.
Na minha opinião, é bom saber que este grande Homem e Pensador, antecessor da luta dos Direitos dos mais fracos, ainda é reconhecido em Portugal e no Brasil seu país de adopção.
Como disse o grande Fernando Pessoa, Vieira é o "Imperador da Língua Portuguesa".
Por hoje é tudo meus amigos(as) bom resto de noite
Pipas

P.S.1 A actualidade política tem andado com um nível tão baixo, com o nosso 1º ministro a pôr os pés pelas mãos em relação ao seu passado, a guerra entre bastonário e ex bastonário da ordem dos advogados, com restaurantes de luxo e casinos em propriedades do estado com rendas irrisórias ou com ex-ministros a darem vistos a 300 despachos na madrugada da passagem de governo, que nem tenho paciência para os comentar, prefiro o Padre António Vieira, mas deixo aqui esta nota para saberem que ando atento.
P.S.2 O meu irmão continua na mesma.
P.S.3 O meu pai faz hoje 51 anos, parabéns PAI és o MAIOR!!

2 comentários:

arco-íris negro disse...

Fora o padre contra fátima, é o único padre que eu consigo ler :o)

Claro, se o meu mestre o via como inspirador, eu então tive de me debruçar sobre a vida e obra dele e o Sr era de facto um granda maluco e visionário.
Gosto, gosto...

PS: Muitos parabéns ao PaiPipas!

Paracletus disse...

É mais do que um sacerdote, é também um homem de cultura e um exemplo de activismo político.
Admiro-o não só pela sua brilhante obra literária, mas também pelo seu engajamento na defesa dos direitos humanos, tendo sido mais coerente com a mensagem cristã do que a maioria dos seus correligionários, pois afirmou a dignidade dos índios e dos escravos, o que escandalizou a alta hierarquia clerical da época.
Ele foi uma espécie de Gandhi do séc. XVII...